Spleen e charutos

agosto 31, 2010

Maria Gadú vai cantar pra gente

Filed under: Spleen — spleencharutos @ 11:29 pm

Rian Santos
riansantos@jornaldodiase.com.br

Em menos de cinco meses de Rio de Janeiro, a cantora Maria Gadú demarcou um verdadeiro latifúndio no território musical brasileiro. Ela agrada a gregos e troianos, conta com o afeto de Velosos e Nascimentos, e vem realizando a façanha de se equilibrar na corda bamba pendurada entre a realização artística e o sucesso comercial. Demorou um bocadinho, mas a gente vai poder tirar a prova dos nove e conferir se Maria Gadú é mesmo tudo o que andam dizendo sem a interferência de filtros midiáticos. Esta semana, ela finalmente vai cantar pra gente.

A voz de Maria Gadú é tão cativante que bastaram os quinze segundos de um comercial de televisão pra despertar minha curiosidade. A Som Livre se empenhava na divulgação da descoberta, mas a verdade é que, na capital fluminense, o burburinho corria de boca em boca há muito tempo. Um amigo já havia me advertido, mas estamos todos passíveis de nova decepção, todos já nos desapontamos com a melhor banda de todos os tempos da última semana. Quando o spot com o “S” estilizado da gravadora caiu no tapete de minha sala, portanto, tudo desaconselhava a atenção, menos a voz de Maria Gadú.

Depois de ouvir o seu disco de estréia repetidas vezes, fiquei com a impressão de que Maria Gadú é muito maior do que esse primeiro registro. Canções monumentais, a exemplo de “Altar Particular”, não deveriam conviver com bobagens sem tamanho como a “Baba” sem graça de Kelly Key. De qualquer modo, se percebe ali o impulso criativo que nos prova, como defende Ferreira Gullar, que a vida não basta, não é suficiente.

A Maria Gadú que despertou a clarividência de João Donato – para quem existe um caminho iluminado, aguardando as pegadas da moça – certamente não é a cantora que desperdiça nosso tempo com uma nova gravação de “Ne me quitte pas”, mas a compositora despojada de “Tudo diferente”, uma compositora que encontra beleza na simplicidade, como recomendam as maiores pérolas da música popular brasileira, sem afetações de grande diva, falando tão manso, com um timbre tão particular, que desarma a desconfiança de qualquer escrevinhador de palavras rasteiras.

Minhas digressões não servem de nada, eu sei. Ocorre que estou bem acompanhado. Atentem para o que afirma Milton Nascimento e pensem duas vezes antes de perder o grande acontecimento que o Teatro Tobias Barreto abriga esta semana.

“Fui convidado por uma turma jovem para assistir ao show de uma garota nova. Quando chegamos ao teatro, lotado, fiquei muito feliz ao ver aquela voz linda e suave, que me conquistou logo. Fui falar com ela após o show e confirmou-se o que havia acontecido no palco. Uma enorme simpatia que se estende”.

Serviço:

Local: Teatro Tobias Barreto
Data: 03 de setembro (sexta-feira)
Hora: 21 horas

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: